Buda e Jesus Entenderam a Necessidade de Superar o Egoísmo que Gera Conflito e Violência

O Papa: Buda e Jesus entenderam a necessidade de superar o egoísmo que gera conflito e violência “Num momento em que a família humana e o planeta estão enfrentando múltiplas ameaças, o diálogo amigável e a estreita colaboração são ainda mais necessários. É nossa tarefa hoje guiar nossos respectivos fiéis a um sentido mais vivo da verdade de que somos todos irmãos e irmãs”, disse Francisco durante o encontro com a Delegação Budista da Tailândia, no Vaticano. – Mariangela Jaguraba – Vatican News O Papa Francisco recebeu em audiência, nesta sexta-feira (17/06), no Vaticano, a Delegação Budista da Tailândia, composta por trinta e três eminentes monges budistas das escolas Theravada e Mahayana, junto com sessenta budistas leigos e vários representantes Continue Lendo →

Evangelho do Dia – Sábado 18.06.2022

Leitura (2Crônicas 24,17-25) Leitura do Segundo Livro das Crônicas. 24,17 Depois da morte de Joiada, os chefes de Judá vieram prostrar-se diante do rei Joás, que, atraído por suas lisonjas, se deixou levar por eles. 18 Os chefes de Judá abandonaram o templo do Senhor, o Deus de seus pais, e prestaram culto a troncos sagrados e a imagens esculpidas, atraindo a ira divina sobre Judá e Jerusalém por causa desse crime. 19 O Senhor mandou-lhes profetas para que se convertessem a ele. Porém, por mais que estes protestassem, não lhe queriam dar ouvidos. 20 Então o espírito de Deus apoderou-se de Zacarias, filho do sacerdote Joiada, e ele apresentou-se ao povo e disse: “Assim fala Deus: Por que transgredis os preceitos do Continue Lendo →

Santos do Dia da Igreja Católica – 18 de Junho

São Gregório João Barbarigo Gregório João Barbarigo nasceu em Veneza, no dia 16 de setembro de 1625, numa família rica da aristocracia italiana. Aos quatro anos de idade ficou órfão de mãe, sendo educado pelo pai, que encaminhou os filhos no seguimento de Cristo. Foi tão bem sucedido que Gregório, aos dezoito anos de idade, era secretário do embaixador de Veneza. Em 1648, acompanhou o embaixador à Alemanha para as negociações do Tratado de Vestefália, referente à Guerra dos Trinta Anos. Na ocasião, conheceu Fábio Chigi, o núncio apostólico, que o orientou nos estudos e o encaminhou para o sacerdócio. Quando o núncio foi eleito papa, com o nome de Alexandre VII, nomeou Gregório Barbarigo cônego de Pádua; em 1655, Continue Lendo →