Papa no Angelus: Não Ceda à Dor e ao Pessimismo, Deus está Perto de Nós!

Papa no Angelus: não ceda à dor e ao pessimismo, Deus está perto de nós! Francisco no Angelus deste domingo: “talvez também nós, neste momento, carregamos em nossos corações algum peso ou algum sofrimento, que parecem nos esmagar. Então é hora de remover a pedra e sair ao encontro de Jesus, que está próximo”. – Silvonei José – Vatican News “Não ceda ao pessimismo que deprime, ao medo que isola, ao desânimo pela recordação de más experiências, ao medo que paralisa”! O Papa Francisco introduzindo a recitação do Angelus comentou a passagem do Evangelho deste V Domingo da Quaresma, a ressurreição de Lázaro, “querido amigo de Jesus”, para sublinhar que Jesus “dá vida mesmo quando parece não haver mais esperança” Continue Lendo →

Taizé, o Papa aos Jovens: Não ao Pessimismo, Busquemos Juntos Soluções aos Desafios

Taizé, o Papa aos jovens: não ao pessimismo, busquemos juntos soluções aos desafios Em mensagem assinada pelo cardeal Parolin, o Papa Francisco se dirige aos jovens da Europa que participam do encontro de Turim, no norte da Itália, em modo virtual para rezar e refletir sobre as questões mais prementes do momento: sede “peregrinos da confiança” – Adriana Masotti/Raimundo de Lima – Vatican News Pela segunda vez, devido à pandemia, o 44º Encontro Europeu de Jovens de fim de ano, promovido pela Comunidade de Taizé, não poderá ser realizado em presença como de costume. Em nota, a Comunidade havia informado os participantes no início de dezembro que não seria “possível realizar o encontro europeu em Turim como planejado”. Entretanto, tudo só foi Continue Lendo →

Ter o Rosto da Alegria de Ser Perdoados, o Pessimismo não é Cristão

Papa: ter o rosto da alegria de ser perdoados, o pessimismo não é cristão Na homilia da missa de quinta-feira (21/12), Francisco falou da verdadeira alegria, que brota do fato de sermos perdoados. É preciso ter o rosto desta felicidade, não de "vigília fúnebre", disse o Papa. Ter um rosto de pessoas redimidas, perdoadas, não de “vigília fúnebre”. Esta foi a reflexão que guiou a homilia do Papa Francisco na manhã desta quinta-feira, na capela da Casa Santa Marta. Seja a Primeira Leitura, seja o Evangelho, falam da alegria profunda que vem de dentro, fruto do perdão dos pecados e da proximidade do Senhor. Não da alegria de uma festa. A alegria nasce de ser perdoados Três são os aspectos Continue Lendo →