Comunidade Boa Nova Celebra 29 Anos de Trabalho Contra a Dependência das Drogas

Comunidade Boa Nova celebra 29 anos de trabalho contra a dependência das drogas O domingo foi de festa no bairro de Comporta, em Jaboatão dos Guararapes, com o aniversário de 29 anos da Comunidade Boa Nova, que trabalha com o carisma do atendimento a pessoas para libertação do sofrimento pela dependência das drogas. O arcebispo de Olinda e Recife, dom Fernando Saburido, foi até a Comunidade, neste domingo (08/07), para celebrar missa em ação de graças por mais um ano da obra, que tanto bem faz ao povo de Deus. Logo na chegada, o arcebispo se dirigiu à capela para a confissão de alguns fiéis e, em seguida, presidiu a eucaristia na área coberta – Casa da Misericórdia. A missa Continue Lendo →

Evangelho do Dia – Terça-Feira 10.07.2018

Leitura (Oséias 8,4-7.11-13) Leitura da Profecia de Oséias. Assim fala o Senhor: 8,4 Eles constituíram reis sem minha vontade; constituíram príncipes sem meu consentimento; sua prata e seu ouro serviram para fazer ídolos e para sua perdição. 5 Teu bezerro, ó Samaria, foi jogado ao chão; minha cólera inflamou-se contra eles. Até quando ficarão sem purificar-se? 6 Esse bezerro provém de Israel; um artesão fabricou-o, isso não é um Deus; será feito em pedaços esse bezerro da Samaria. 7 Semeiam ventos, colherão tempestades; se não há espiga, o grão não dará farinha; e, mesmo que dê, estranhos a comerão. 11 Efraim ergueu muitos altares em expiação do pecado, mas seus altares resultaram-lhe em pecado. 12 Eu lhes deixei, por escrito, Continue Lendo →

Santos do Dia da Igreja Católica – 10 de Julho

Santo Antônio Percierskij Antônio, que antes se chamava Antipas, nasceu na Ucrânia no ano de 983. Percierskij, na realidade, não é o seu sobrenome, mas sim um apelido e tem um significado: "da gruta". Trata-se de uma referência à cela, escavada por ele mesmo, no vale de Dnjepr, próximo a Kiev, que deu origem à vida monástica russa. Antônio "da gruta", desde a adolescência, sempre buscou a solidão das cavernas, típicas de sua região, para suas orações contemplativas. Depois viveu, até os quarenta e cinco anos de idade, peregrinando solitário pelos inúmeros mosteiros do monte Athos, na Grécia. Os registros indicam que ele permaneceu alguns anos no mosteiro de Esphigmenon, quando decidiu continuar a vida de penitência e oração na Continue Lendo →