Clericalismo é uma Perversão da Igreja

Papa: clericalismo é uma perversão da Igreja “E o clericalismo, que não é só dos clérigos, é um comportamento que diz respeito a todos nós: o clericalismo é uma perversão da Igreja”, disse o Papa Francisco aos jovens italianos reunidos no Circo Máximo, destacando a necessidade do testemunho e do sair de si mesmo: "onde não há testemunho, não há o Espírito Santo". – Jackson Erpen – Cidade do Vaticano “O clericalismo é uma perversão na Igreja”.  O Papa Francisco foi incisivo ao responder aos questionamentos propostos por Dario, de 27 anos, enfermeiro em curas paliativas, alguém “que dá testemunho todos os dias com os doentes”. Diante de 50 mil jovens italianos presentes no Circo Máximo no último sábado, quatro Continue Lendo →

O Papa no Meu Casamento: O Testemunho da Noiva Brasileira

O Papa no meu casamento: o testemunho da noiva brasileira A notícia do casamento celebrado pelo Papa Francisco no Vaticano correu o mundo. “Obviamente ficamos muito felizes e honrados”, afirma Letícia ao Vatican News. “Ele foi e é nosso Pastor e nos fez e faz crescer a seguir Cristo.” – Bianca Fraccalvieri – Cidade do Vaticano A surpresa foi geral, com exceção dos noivos: o Papa Francisco se apresenta para selar a união de Letícia e Luca. O local do evento fica a dois passos da residência pontifícia; da Casa Santa Marta até a Igreja de Santo Estevão dos Abissíneos, são necessários menos de cinco minutos a pé. O convite Mas não se tratou de uma coincidência ou de uma Continue Lendo →

O Testemunho Cristão Incomoda e não Conhece “Meio-Termo”

Papa: o testemunho cristão incomoda e não conhece "meio-termo" Na homilia na Casa Santa Marta, Francisco falou de três características do cristão para viver a alegria pascal: obediência, testemunho e concretude. O Papa Francisco retomou as celebrações matutinas na capela da Casa Santa Marta. Na sua homilia desta quinta-feira (12/04), o Pontífice se inspirou na alegria pascal para ressaltar três características: obediência, testemunho e concretude. Os 50 dias do tempo pascal foram para os apóstolos um “tempo de alegria” pela Ressurreição de Cristo. Uma alegria verdadeira, mas ainda duvidosa, temerária, enquanto depois, com a descida do Espírito Santo, a alegria se tornou “corajosa”: antes “entendiam porque viam o Senhor, mas não entendiam tudo”, estavam felizes mas não conseguiam entender. “Foi Continue Lendo →

Reze com o Papa em Julho: Pelas Pessoas Afastadas da Fé

Reze com o Papa em julho: pelas pessoas afastadas da fé Cidade do Vaticano (RV) – Pelas pessoas afastadas da fé cristã: esta é a intenção de oração para este mês de julho, proposta pelo Papa Francisco à Rede Mundial de Oração. No vídeo, o Pontífice convida a jamais nos esquecer que a alegria do cristão é Jesus, “seu amor fiel e inesgotável”. “Quando um cristão está triste, isso significa que ele se afastou de Jesus”, afirma Francisco em espanhol, com legendas em português. Nesses momentos, o Papa encoraja a não abandonar um irmão, oferecendo a ele a esperança cristã com a palavra, o testemunho, a liberdade e a alegria. “Peçamos pelos nossos irmãos que se afastaram da fé, para Continue Lendo →