A Cultura da Indiferença é o Oposto do Amor de Deus

Papa na Santa Marta: a cultura da indiferença é o oposto do amor de Deus “Este é o mistério do amor”, esclareceu Francisco, “Deus nos amou por primeiro. Ele deu o primeiro passo”. Um passo “em direção à humanidade que não sabe amar”, que “precisa do carinho de Deus para amar”, do testemunho de Deus. – Alessandro Di Bussolo – Cidade do Vaticano Deus “dá o primeiro passo” e ama “a humanidade que não sabe amar”, porque ele tem compaixão e misericórdia, enquanto nós mesmo sendo bons, muitas vezes não entendemos as necessidades dos outros e permanecemos indiferentes, “talvez porque o amor de Deus” não entrou em nossos corações. Foi o que disse o Papa Francisco na homilia da missa celebrada Continue Lendo →

No Dia dos Santos Inocentes o Papa Convida a Acolher em Jesus o Amor de Deus

No dia dos Santos Inocentes o Papa convida a acolher em Jesus o amor de Deus O tuíter do Papa se inspira em sua Mensagem de Natal de 2017, em que ele recordou todos os cantos do mundo onde as crianças sofrem. No dia em que a Igreja recorda os Santos Inocentes, o Papa Francisco lança um convite em sua conta no Tuíter: “Acolhamos no Menino Jesus o amor de Deus e vamos nos empenhar para tornar o nosso mundo mais digno e humano para as crianças de hoje e de amanhã”. O tuíter do Papa se inspira em sua Mensagem do Natal de 2017, na qual afirmava: "enquanto o mundo está sendo atingido por ventos de guerra e um Continue Lendo →

O Amor de Jesus é sem Medida, não Seguir os “Amores” Mundanos

Papa: o amor de Jesus é sem medida, não seguir os “amores” mundanos Cidade do Vaticano (RV) – O amor de Jesus é sem medida, não como os amores mundanos, que buscam poder e vaidade. Foi o que disse o Papa Francisco na Missa matutina (18/05) na Casa Santa Marta. “Assim como o Pai me amou, também eu vos amei”: o Pontífice desenvolveu sua homilia partindo da afirmação de Jesus, que destaca como o seu amor seja infinito. O Senhor, observou ainda, nos pede que permaneçamos no Seu amor “porque é o amor do Pai” e nos convida a observar os Seus mandamentos. Para Francisco, “certamente  os Dez Mandamentos são a base, o fundamento, mas é preciso seguir todas as Continue Lendo →

Senhor, a quem iremos? Só Tu tens palavra de vida eterna…

A promessa de vida em abundância é dada por Deus. Ele nos presenteia com esse banquete de amor porque conhece nossa pequenez e limitação. Ele tudo sabe! Enxerga muito mais além do que podemos imaginar.  A vida em Deus é refrigério para a alma. A vida por Ele é plena e cheia de paz. Não há nada fora Dele que preencha o coração, que acalme os pensamentos e renove as forças para seguir dia a dia. Tudo se tornaria rotineiro se o amor do céu não caísse sobre a terra. Acordar, trabalhar, descansar, rezar, comer, dormir…. essas atividades do dia a dia seriam angustiantes se o Seu amor não renovasse a forma como olhamos e vivemos cada detalhe dessa rotina. Continue Lendo →

Evangelho do Amor de Deus

Papa: ir ao encontro de todos com o Evangelho do amor de Deus Cidade do Vaticano (RV) – “Ir ao encontro de todos sustentados pelo desejo de propor com vigor, beleza e simplicidade a boa notícia do amor de Deus.” É a exortação do Pontífice numa mensagem enviada pelo Cardeal Secretário de Estado, Pietro Parolin, por ocasião do Encontro para a amizade entre os povos, que se inicia esta quinta-feira, dia 20, em Rimini – centro-norte da Itália. Os cristãos despertem a consciência dos homens e das mulheres num tempo em que as interrogações decisivas são ofuscadas por respostas parciais, convida o Papa Francisco. O coração é “inquieto”, jamais se satisfaz e “está sempre em busca”. As perguntas “sobre o Continue Lendo →