A Palavra do Arcebispo – Novembro 2017

A palavra do arcebispo – novembro (Palavras  do Arcebispo na abertura do Fórum Justiça e Paz Dia 27 de outubro de 2017 Universidade Católica de Pernambuco) Penso que as palavras são pobres para manifestar a minha alegria e satisfação por estarmos abrindo hoje esse 1º Fórum sobre Justiça e Paz. Esse evento marca um verdadeiro encontro da recém-fundada Comissão Arquidiocesana de Justiça e Paz e as bases de nossas comunidades, tanto católicas da nossa arquidiocese e de outras Igrejas Particulares, quanto outras denominações e grupos religiosos aqui presentes.  É bom lembrarmos que estamos vivendo justamente o cinquentenário da iniciativa do papa Paulo VI de instituir, em janeiro de 1967, junto com o Conselho de Leigos, também o primeiro esboço do Continue Lendo →

Evangelho do Dia – Sábado 04.11.2017

Leitura (Romanos 11,1-2a.11-12.25-29) Leitura da Carta de São Paulo aos Romanos. Irmãos, 11,1 eu pergunto: Será que Deus rejeitou o seu povo? — de modo algum. Pois também eu sou israelita, da descendência de Abraão, da tribo de Benjamim… 2a Deus não rejeitou o seu povo, que ele desde sempre considerou. 11 Eu pergunto: Acaso eles tropeçaram para cair? — Não, de modo algum. De fato, o passo em falso que eles deram serviu para a salvação dos pagãos, e a salvação dos pagãos, por sua vez, deve servir para despertar ciúme neles. 12 Ora, se o passo em falso deles foi riqueza para o mundo e o pequeno número de crentes dentre eles foi riqueza para os pagãos, que Continue Lendo →

Santos do Dia da Igreja Católica – 04 de Novembro

São Carlos Borromeu A obra de são Borromeu, um dos santos mais importantes e mais queridos da Igreja, poderia ser resumida em duas palavras: dedicação e trabalho. Mas para fazer justiça, como ele sempre pregou, temos de acrescentar mais uma, sem dúvida a mais importante: humildade. Oriundo da nobreza, Carlos Borromeu utilizou a inteligência notável, a cultura e o acesso às altas elites de Roma para posicionar-se na frente, ao lado e até abaixo dos pobres, doentes e, principalmente, das crianças. Nasceu no castelo da família em Arona, próximo de Milão, em 2 de outubro de 1538. O pai era o conde Gilberto Borromeu e a mãe era Margarida de Médicis, da mesma casa da nobreza de grande influência na Continue Lendo →

Às Vezes eu Durmo em Oração. Sinto-me Criança nas Mãos de Deus

Papa: “Às vezes eu durmo em oração. Sinto-me criança nas mãos de Deus” Cidade do Vaticano (RV) – “Quando eu vou rezar algumas vezes eu me adormeço. Fazia isso também Santa Teresa do Menino Jesus. Ela dizia que o Senhor, Deus, o Pai gosta quando alguém adormece”. Foi o que disse o Papa Francisco no segundo episódio do programa “Pai Nosso”, conduzido pelo Padre Marco Pozza, e transmitido pela Tv2000 neste dia 1º de novembro. Francisco dialogou com o jovem capelão da prisão de Pádua, Pe. Marco Pozza, no início do programa. A transmissão, nascida da colaboração entre a Secretaria para a Comunicação da Santa Sé e Tv2000, está estruturada em nove episódios, todas as quartas-feiras, durante os quais Padre Continue Lendo →